Tag Archives: Twilight

Eu conheço esse rostinho de algum lugar!

14 jan

Sempre tive boa memória para o que costumo chamar de “cultura inútil”. Às vezes me pergunto por que não gravava as fórmulas matemáticas no colégio, mas lembrava de nomes de filmes, atores e atrizes tão facilmente? Assistia à toda sorte de filmes e não foram poucas as vezes que acontecia de “esse ator não é aquele, daquele filme?” ou “Eu já vi esse rostinho antes”. E foi assistindo ao filme, A Rede Social (“The Social Network”, 2010, David Fincher) que tive mais uma sensação como esta.

Bem, esse garotinho aí em cima é o ator Joseph Mazzello, que interpretou o Dustin Moskovitz no filme do Facebook. Eu confesso que passei boa parte do filme tentando lembrar desse rostinho tão familiar. Pois é, das tardes ociosas dos anos 90, quando me entregava à Sessão da Tarde (eu poderia ter usado este tempo para estudar. Quem sabe eu seria a co-fundadora de alguma coisa hoje?). Bem, depois que consegui lembrar que Joseph Mazzello trabalhou com Elijah Wood (“O Senhor dos Anéis”) no filme “A Força da Ilusão” (“Radio Flyer”, 1992) consegui ver o filme mais tranquila. Lógico, o prazer disso tudo é mostrar a todo mundo a descoberta, quase sempre recebida com a mesma reação pelas pessoas: “Nossa, é mesmo! Como cresceu”.

Outra sensação incômoda de lembrança, que normalmente não me deixa sossegada, aconteceu quando assisti aos três filmes da saga “Twilight” (Crepúsculo, Lua Nova e Eclipse). Levando-se em conta que a história dos vampirinhos conquistou milhões de pessoas no mundo, realmente talvez eu esteja um pouquinho atrasada, já que somente na última semana resolvi assistir aos três filmes, mas assisti… e novamente, logo nas primeiras cenas notei que conhecia aquele rostinho de algum lugar.

Kristen Stewart era a responsável. De onde eu conhecia aquela atriz? Foi um pouco mais difícil lembrar que ela era a filha da Jodie Foster no filme “O quarto do Pânico” (“Panic Room”, 2002, David Fincher), mas isso se deve ao filme ser mais contemporâneo e não ter ficado registrado no meu imaginário infantil. Confesso que o Google foi determinante para o meu reconhecimento. Mas acho que mereço um desconto já que ela era loirinha e de familiar só tinha a boca e o olhar como sempre intrigante que ela ainda não perdeu. A atriz estará na edição de fevereiro da Vogue.

Já o rostinho de Dakota Fanning não foi difícil reconhecer, quando assisti aos mesmos filmes da saga dos vampirinhos, afinal a atriz só amadureceu seu rostinho angelical. Nos filmes ela atuou como a vampira torturadora, Jane Volturi. A menina já estreou no cinema aos oito anos sendo a mais jovem atriz a ser indicada ao Screen Actors Guild Award pela atuação em “I Am Sam” (“Uma Lição de Amor”, 2001), onde atuou com o consagrado Sean Penn (21 Gramas) e ganhou cerca de cinco premiações. Ela também arrasou no filme “As fugitivas” (“The Runaways”, 2010) que protagonizou com sua colega de saga e futura vampira, Kristen Stewart. Dakota fez o papel de Cherie Currie.

O último rostinho conhecido que me incomodou ao ver um filme foi o de Jerry O’Connel. Esse já faz um tempinho, mas me deu trabalho para lembrar quem era aquele moreno alto e forte tão familiar que apareceu no filme “Pânico 2” (“Scream 2”, 1997). Depois de muito pensar, lembrei que ele era o gordinho do filme “Conta Comigo” (“Stand By Me”, 1986). Quem não tem esse filme como um de seus preferidos quando era criança, não teve infância.

Se você tem alguma experiência como esta, ou tem mais rostinhos familiares para compartilhar, esteja à vontade para comentar. Pois é, cultura inútil também rende postagem aqui no Deu Post.

Anúncios